Secção 8 - Lisboa Região

Setúbal / Lisboa

A cidade de Setúbal, envolvida pelo azul do Rio Sado e pelo verde da Serra da Arrábida, é rica em património paisagístico, natural e cultural.

O início deste percurso é pautado pelo colorido das embarcações ancoradas ao longo da zona ribeirinha. A visitar na baixa da cidade destaca-se a Praça do Bocage, a Catedral de Santa Maria da Graça e o Convento de Jesus e o Mercado do Livramento. Um pouco afastado do centro da cidade, mas que vale a visita é o Moinho de Maré da Mourisca. Integrado na Reserva Natural do Estuário do Sado, numa zona de sapal e salinas é um local onde é possível a observação de aves. Ainda podem ser vistos roazes-corvineiro (Tursiops truncatus), uma colónia de golfinhos residente nesta área.

Seguindo o percurso como primeira paragem tem-se o Parque Urbano de Albarquel, no sopé da serra, com uma vista sobre o estuário e Tróia. Pouco depois tem início a Serra da Arrábida, classificada como Parque Natural, a qual detém um enorme valor natural, paisagístico e cultural. Ao percorrer a estrada que entrecorta a Arrábida encontram-se diversas praias, conventos, fortes e vales.

O Forte de São Filipe é o primeiro e das suas muralhas tem-se acesso a uma vista panorâmica sobre a cidade, a baía e Tróia. Mais à frente encontra-se o Forte de Santiago de Outão, o qual foi transformado num hospital.

De entre as praias e os pequenos enclaves existentes, destacam-se a Figueirinha; Galápagos e Galapinhos; o Creiro, onde se pode ver a Pedra da Anicha, conhecida por se tratar de um refúgio a diversas espécies marinhas e onde situa-se a estação arqueológica do Creiro; e o Portinho da Arrábida, onde pode visitar-se a Fortaleza de Santa Maria da Arrábida, na qual funciona o Museu Oceanográfico.

No caminho de acesso ao Portinho fica a Lapa de Santa Margarida, uma gruta onde podem ser vistas estalactites e estalagmites e o que restou de um altar religioso, para além da vista sobre a serra e o mar.

Fora do percurso, na estrada no topo da serra, encontra-se o Convento da Arrábida e miradouros, como o da Santa e o das Antenas, que convidam a paragens para contemplação da paisagem.

Na periferia da cidade de Setúbal encontra-se a vila de Palmela, e no alto pode ver-se o Castelo, de onde é possível vislumbrar uma paisagem sobre as serras de S. Luís, Louro e Arrábida e o Rio Sado. Grande parte da história desta vila está ligada à sua importância como região vitivinícola.

Também na envolvente de Setúbal está Azeitão, uma vila histórica com grande tradição na área dos vinhos, onde encontram-se grandes extensões de vinhas e instalações de produção de vinho, nas quais é produzido o moscatel de Setúbal. Em Azeitão pode disfrutar-se também das tortas e queijos típicos da região.

Retomando a rota, o caminho leva a Sesimbra. Uma vila localizada num vale, no sopé da Serra da Arrábida e da sua reserva natural, e junto ao mar. O litoral do concelho de Sesimbra oferece a quem visita uma diversidade de paisagens, desde praias a falésias altas e escarpadas, que acolhem pequenas enseadas.

Na vila recomenda-se a visita ao Castelo de Sesimbra e à Fortaleza de Santiago, situada entre as praias da Califórnia e do Ouro, e à Pedreira do Avelino, onde podem observar-se pegadas de dinossáurios. A oeste de Sesimbra surge a praia de Ribeiro do Cavalo, que deve o nome à formação rochosa lá existente. Prosseguindo o percurso chega-se ao Cabo Espichel, onde a paisagem é dominada pelas escarpas e pelo oceano. Aqui encontra-se o Santuário com o mesmo nome, que alberga edificado com interesse cultural, e o farol. Também podem visitar-se as pegadas de dinossáurios nas jazidas da Pedra da Mua e dos Lagosteiros.

Seguindo para norte existe uma diversidade de praias, sendo de destacar a praia das Bicas, local conhecido para a prática do surf; do Rio da Prata e do Meco, praias naturistas; do Moinho de Baixo, junto à Aldeia do Meco e a Lagoa de Albufeira. Esta lagoa encontra-se num sistema dunar e é constituída por duas áreas lagunares, sendo a mais pequena – Lagoa Pequena – um local de observação de aves.

O percurso segue em direção a Coina, afastando-se da orla costeira, onde está situada a Arriba Fóssil da Costa da Caparica, uma área protegida, e diversas praias. De Coina segue-se para norte até Almada, situada na margem sul do rio Tejo, ou entra-se no comboio que atravessa a ponte 25 de Abril e segue-se numa viagem até Lisboa. Se optar por seguir a rota, como pontos de observação em Almada destacam-se o Castelo, o elevador panorâmico da Boca do Vento e o Cristo Rei.

Chegando a Cacilhas, uma zona ribeirinha que funciona como interface de transportes públicos, e antes de embarcar no cacilheiro para Lisboa, recomenda-se a visita ao património histórico e cultural: Igreja de Nossa Senhora do Bom Sucesso, Estação Arqueológica da Quinta do Almaraz e Fábrica Romana de Salga de Cacilhas.


Fotografias:
bicicletapelacosta.blogspot.pt; forumbtt.net; portugalbiketours.com; ctavares.link; umlisboetanocampo.blogspot.pt; lisboabike.blogspot.pt
Vídeo:
Município de Setúbal

Pontos de Interesse

Património Natureza Praias Informação Lojas de Bicicletas Alojamento - Campismo Alojamento - Pousadas de Juventude Alojamento - Hotel Transporte - Comboio Transporte - Barco Hospital/Urgências Farmácia Segurança

Eventos

  • Data de Início: 16 Setembro 2017
    Data de fim: 17 Setembro 2017

Álbum: partilhe as suas imagens Enviar Imagem

O álbum está vazio

Comentários: Secção 8

Secção 8

Setúbal / Lisboa: 84

  • Elevação
  • Património
  • Natureza
  • Praias
  • Informação
  • Lojas de Bicicletas
  • Alojamento - Campismo
  • Alojamento - Pousadas de Juventude
  • Alojamento - Hotel
  • Transporte - Comboio
  • Transporte - Barco
  • Hospital/Urgências
  • Farmácia
  • Segurança